Festa das Nações

Orquestra Sinfônica se apresenta no Engenho

Concerto que celebra a diversidade musical acontece neste sábado (21), às 21h30

Da Redação
21/05/2022 às 08:30.
Atualizado em 21/05/2022 às 08:30

Maestro Parcival Módolo será o regente da Orquestra Sinfônica (Rodrigo Alves)

A OSP (Orquestra Sinfônica de Piracicaba) apresenta, neste sábado (21), às 21h30, o “Concerto das Nações”, durante a tradicional Festa das Nações, no Engenho Central. A apresentação terá o maestro Parcival Módolo como regente convidado.

O programa reunirá obras de compositores de países localizados em diferentes continentes: Brasil, Áustria, Estados Unidos, Alemanha, França, Itália, Coreia do Sul e Inglaterra. Os ingressos para a festa podem ser adquiridos por meio do site festadasnacoes.org.br.

O maestro Parcival Módolo, regente convidado para esse concerto, tem passagens por diferentes orquestras do Brasil e do exterior. Atuou, por 14 anos, como regente titular e diretor artístico da Orquestra Sinfônica Municipal de Americana, sua cidade natal. Ocupou as mesmas funções nas Sinfônicas de Campinas e Ribeirão Preto. Atualmente, é o principal maestro convidado da Orquestra Sinfônica de Potsdam, na Alemanha, e coordenador geral de Arte e Cultura, da Pró-Reitoria de Extensão do Instituto Presbiteriano Mackenzie.

A apresentação tem o patrocínio ouro do Atacadão, o patrocínio prata da Caterpillar e Hyundai e o patrocínio bronze da CNH Industrial, via Lei de Incentivo à Cultura, do Ministério do Turismo. O apoio é da Prefeitura de Piracicaba, por meio da Semac (Secretaria Municipal da Ação Cultural). A OSP tem como diretor artístico e regente titular o maestro alemão Knut Andreas, de Potsdam.

Repertório

A OSP apresenta três obras de compositores brasileiros: “Mourão”, de César Guerra-Peixe; “Quem sabe” (modinha), de Antônio Carlos Gomes, e “Baião”, de Flávio Régis Cunha.

“Marcha Radetzky”, de Johann Strauss, e “Sob trovões e relâmpagos”, de Johann Strauss II, representam a Áustria. Compõe o repertório “O relógio sincopado”, de Leroy Anderson, dos Estados Unidos. Os compositores alemães serão representados pelas obras “Marcha turca”, de Ludwig van Beethoven, e “Dança húngara no 1”, de Johannes Brahms.

Será apresentada, ainda, “Can-Can”, do francês Jacques Offenbach, e “Intermezzo da Cavalleria Rusticana”, do italiano Pietro Mascagni. A canção folclórica “Arirang” (com arranjo de Flávio Régis Cunha) representa a Coreia do Sul. A Inglaterra estará presente no concerto com clássicos da banda The Beatles, conhecidos por pessoas de todas as idades: “Here comes the sun” e “Yesterday”, ambas com arranjo de Felipe Martim Coelho.

“Nesse concerto, a OSP vai transitar por obras de compositores de diferentes países, como uma forma de trazer à tona essa diversidade musical e dialogar com um dos objetivos da Festa das Nações, celebrar os diferentes povos do mundo. A expectativa é muito grande, ainda mais em um momento de retomada desse tradicional e aguardado evento, que ficou paralisado por conta da pandemia da covid-19”, afirma André Micheletti, diretor artístico associado da OSP.

Serviço
“Concerto das Nações”, da Orquestra Sinfônica de Piracicaba. Sábado, 21 de maio, às 21h30, durante a Festa das Nações, no Engenho Central (Av. Maurice Allain, 454). Os ingressos podem ser adquiridos no site festadasnacoes.org.br. Informações: sinfonicadepiracicaba.org.br.

Assuntos Relacionados
Compartilhar
Gazeta de Piracicaba© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por