Corporação

Guarda Civil de Piracicaba comemora 119 anos

O aniversário, nesta segunda (25), será marcado pela implantação de planejamento estratégico

Da Redação
24/04/2022 às 09:41.
Atualizado em 24/04/2022 às 09:42

Sede atual da Guarda Civil Municipal de Piracicaba, no bairro Verde (Divulgação)

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Piracicaba, comemora nesta segunda-feira (25) 119 anos de existência. Para celebrar o aniversário, a corporação preparou programação solene, às 9h, no teatro Erotides de Campos, localizado no Parque do Engenho Central. 

O  aniversário será marcado pela implantação de planejamento estratégico pela atual administração, que inclui renovação de frota com compra e locação de veículos, compra de novos armamentos e estudo para alterações no estatuto da Guarda, que permitam a reestruturação da corporação, visando melhorias no atendimento à população e para o efetivo.

Com um efetivo de 394 guardas, sendo 65 mulheres, a corporação conta atualmente com grupamentos ciclístico, motociclístico e do Canil, pelotões Ambiental e Escolar, patrulhas Rural e Maria da Penha, Central de Operações (COP) e Central de Monitoramento Eletrônico (Cemel), além da Corregedoria, Ouvidoria e Ronda Ostensiva Municipal (ROMU). 

A Guarda está presente de maneira fixa em diversos equipamentos públicos, como o Centro Cívico, a Câmara Municipal, Unidades de Pronto Atendimento e em quatro inspetorias regionais localizadas em Santa Teresinha, no Noiva da Colina, Pauliceia e na Rua do Porto, além da Sala Maria da Penha, localizada no prédio administrativo ao lado do Terminal Central de Integração (TCI), na avenida Armando de Salles Oliveira, 2001. 

Para o comandante da Guarda Civil, Sidney Miguel da Silva Nunes, a implantação do planejamento estratégico é o que marca este aniversário da instituição. "Quando eu assumi a Guarda, o prefeito pediu um planejamento estratégico para os próximos quatro anos. Foi detectada a necessidade de renovação da frota, que está sucateada, e o que há de mais viável neste momento é a locação de veículos", ressalta.

Outra necessidade, de acordo com ele, é a contratação de mais guardas, mas só será possível com a reforma do Estatuto. "Com a aprovação do novo Estatuto, poderemos realizar concurso público interno - para promoção dentro da hierarquia - e externo, para contratação de novos guardas", destaca.
Nunes ainda lembrou que há um trabalho intenso para conseguir emendas parlamentares, que permitam equipar a GCM com novos armamentos e viaturas, e assim atender à demanda da cidade como um todo.

História

Criada em 1903 como Corpo da Guarda e Polícia Municipal, baseado no artigo 58 da Lei n. 16, de 13 de novembro de 1891, a GCM foi pensada para o enfrentamento da problemática da violência causada pelo rápido crescimento populacional que se instalava no município. 

Ao longo de sua história ela teve diferentes nomes, como Corpo de Vigilantes Noturno (1954), Guarda Noturno Municipal de Piracicaba (1956), Guarda Municipal (1969) e finalmente Guarda Civil do Município de Piracicaba (1990), que passa a ter, unicamente, um comandante na hierarquia, um subcomandante e um quadro de graduados e guardas. 

Desde a aprovação do Estatuto Geral da Guarda Civil, em 2016, o comando é exercido por um funcionário de carreira da corporação. Atualmente, o posto de Comando está com Sidney Miguel da Silva Nunes.

Endereço
A sede da corporação está localizada na rua Benedito Bonzon Penteado, 645, bairro Verde. A população pode acionar a GCM por meio do telefone 153.

Assuntos Relacionados
Compartilhar
Gazeta de Piracicaba© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por