INTERNACIONAL

Guatemala combate do ar incêndio florestal no sopé de um vulcão

Três aeronaves começaram nesta quarta-feira (10) a combater um incêndio florestal no sopé do vulcão Atitlán, localizado na margem do lago de mesmo nome, a oeste da Guatemala, informaram las autoridades

AFP
10/03/2021 às 18:33.
Atualizado em 22/03/2022 às 09:02

Três aeronaves começaram nesta quarta-feira (10) a combater um incêndio florestal no sopé do vulcão Atitlán, localizado na margem do lago de mesmo nome, a oeste da Guatemala, informaram las autoridades.

O porta-voz das Forças Armadas, Rubén Téllez, disse à AFP que um helicóptero Bell-212, do Exército, e dois pequenos aviões usados na fumigação de cultivos começaram a sufocar o incêndio no vulcão, de 3.535 metros de altitude.

"Nesta quarta continuam as ações de combate ao incêndio florestal do vulcão Atitlán", comentou David de León, representante da Coordenadoria para a Redução de Desastres (Conred), encarregada da Defesa civil.

Segundo León, as chamas afetaram mais de 200 hectares e as chamas estão 65% controladas devido às brechas feitas pelas brigadas que trabalham na região.

Espera-se poder controlar o incêndio totalmente ainda nesta quarta-feira após o apoio aéreo. No entanto, "as condições no local e o forte vento podem fazer com que em seu momento esta condição não chegue a se apresentar".

O fogo começou no domingo "com um pequeno incêndio, mas o vento favoreceu sua propagação", comentou na véspera o funcionário da Conred.

As chamas se espalharam pelo sopé do vulcão e ameaçam a biodiversidade do local, como o quetzal (Pharomachrus mocinno), ave nacional deste país centro-americano, que vive na região.

Às margens do lago, além do Atitlán, um dos principais locais turísticos do país, também ficam os vulcões Tolimán e San Pedro, os quais estão há séculos sem apresentar atividade eruptiva.

Na Guatemala, a temporada de incêndios se estende regularmente de dezembro a junho e anualmente devasta milhares de hectares de florestas.

Dados da Conred indicam que na temporada atual foram atendidos 192 incidentes no país, 107 florestais e 85 não florestais, os quais consumiram 569,21 hectares.

ec/mav/dga/mvv

Assuntos Relacionados
Compartilhar
Gazeta de Piracicaba© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por