Terras do Engenho

Moradores reclamam do abandono de imóvel tombado

Imóvel estaria sendo abrigo de usuários de drogas

José Ricardo Ferreira
04/05/2022 às 08:19.
Atualizado em 04/05/2022 às 08:21

Vizinhos ao imóvel apontam depredação e frequência de suspeitos (Divulgação)

Moradores do bairro Terras do Engenho continuam sem solução para um problema detectado em 2020, portanto há dois anos. Naquele ano, eles perceberam movimentação suspeita no entorno do Engenho Central na avenida Sérgio Caldaro e no final da avenida Dona Lídia.

Segundo vizinhos do Engenho Central, há um imóvel de patrimônio tombado pertencente à Sedema (Secretaria de Defesa do Meio Ambiente), antigo setor II, conhecido como esterqueira. “Este imóvel está abandonado e sendo utilizado para abrigar traficantes e usuários de drogas”, reclamou Dante Oliveira, técnico de segurança do trabalho e morador do bairro. 

Ainda de acordo com residentes do Terras, durante campanha eleitoral o então candidato e hoje prefeito Luciano Almeida esteve no bairro pedindo votos para sua eleição, e sugeriu para que os moradores enviassem um e-mail para ele solicitando o que gostariam que fosse feito de benfeitoria ao redor.

“Pois bem, foi quando enviei um e-mail para ele (então candidato) pedindo para que fosse feita a repatriação do Pelotão Ambiental e caso não fosse possível, então que fosse implementado um posto de segurança pública no local”, explica Dante.

De acordo com Dante, o então candidato prometeu, se eleito, resolver o problema. “Porém com um ano de governo, o mesmo não fez absolutamente nada, e inclusive o local continua às mínguas. É um inconveniente problema e estamos solicitando novamente uma posição do prefeito e demais secretarias”, disse Dante, um dos principais representantes dessa queixa no bairro.

Semac

A Semac (Secretaria Municipal da Ação Cultural) informou que “o prédio em questão foi limpo interna e externamente e recebe patrulhamento da Guarda Civil, assim como todo o espaço do Engenho Central, já que possui nesse espaço uma base”. 

Assuntos Relacionados
Compartilhar
Gazeta de Piracicaba© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por