Ajuste administrativo

Vereadores questionam mudança de lugar da Semob

Informações oficiais garantem que a prefeitura se propõe a informatizar a tramitação dos processos e do atendimento da Semob no prazo de 90 dias

Romualdo Cruz Filho
19/04/2022 às 08:18.
Atualizado em 19/04/2022 às 08:20

Área localizada na estrada do Boiadeiro, região do bairro Jupiá (Mateus Medeiros/Gazeta de Piracicaba)

Vereadores estão preocupados com a mudança de parte dos serviços da Secretaria de Obras (Semob) para o prédio da Empresa de Desenvolvimento Habitacional de Piracicaba (Emdhap), no bairro Algodoal. Eles foram procurados por servidores, engenheiros, arquitetos, corretores e população em geral que demonstraram preocupação com a iniciativa do prefeito Luciano Almeida (DEM) de fazer um ajuste administrativo na pasta.

Há um entendimento generalizado entre eles de que a possível mudança possa gerar dificuldade na tramitação e aprovação de projetos devido à necessidade de consulta aos Boletins de Informações Cadastrais (BICs), nos processos antigos, no arquivo, bem como vai criar situação que possa dificultar inclusive os pagamentos de taxas etc. 

Informações oficiais garantem que a prefeitura se propõe a informatizar a tramitação dos processos e do atendimento da Semob no prazo de 90 dias, dentro do processo de mudanças na sua estrutura administrativa. Por outro lado, vários funcionários da própria Semob informaram aos vereadores de que não houve diálogo prévio com eles para decidir sobre a possível mudança, por isso estariam encabeçando um abaixo assinado contrário à iniciativa do Executivo e ela não passar antes por um estudo de viabilidade.

Em reunião realizada em 4/4, na Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Piracicaba (AEAP), ficou acordado com os presentes que a Câmara Municipal elaboraria um requerimento e a AEAP também enviaria uma solicitação equivalente no sentido de obterem informações mais seguras sobre o que estaria acontecendo. 

O requerimento 280/22, nesse sentido, solicita informações ao Chefe do Executivo sobre os motivos da mudança da Secretaria Municipal de Obras para outro local. Questiona inclusive se não seria melhor aguardar a citada reforma administrativa e informatização prometida para, então, providenciar os próximos passos.

Os vereadores perguntam ainda qual seria o cronograma para a informatização total dos processos. O requerimento é assinado pela vereadora Silvia Morales (PV), Paulo Campos (Podemos) e Zezinho Pereira (União Brasil). A prefeitura foi questionada a respeito da mudança, mas até o fechamento desta edição a Gazeta de Piracicaba não obteve resposta.

Assuntos Relacionados
Compartilhar
Gazeta de Piracicaba© Copyright 2022Todos os direitos reservados.
Distribuído por
Publicado no
Desenvolvido por